* Nova - Lista de Especialidades - Grupo Escoteiros Uniselva">

Suspensão das Atividades Escoteiras Presenciais

Escoteiros: os líderes do futuro

Uniselva participa do Desfile Cívico de 7 de Setembro

Bem-vindos ao Escotismo!

Uniselva conquista Grupo Padrão Ouro mais uma vez

Especialidade - Proteção dos Animais Silvestres - * Nova

1. Explicar os conceitos de bem-estar animal e das cinco liberdades, e como esses conceitos se aplicam aos animais silvestres.

2. Fazer a distinção entre animais domésticos e animais silvestres, sabendo explicar por que animais silvestres não podem ser tratados como animais domésticos de estimação.

3. Pesquisar e explicar quais são os animais silvestres mais traficados na sua região, no Brasil e no mundo, e de como vão parar em lojas comerciais, internet, feiras e nas residências das pessoas.

4. Estudar e descrever o comportamento natural de um animal silvestre da fauna brasileira no seu habitat.

5. Explicar o procedimento para casos onde animais silvestres sejam encontrados feridos ou ilegalmente à venda.

6. Conhecer a legislação que protege os animais silvestres no Brasil, de modo a conseguir identificar práticas ilegais de venda, exposição e manutenção em residência.

7. Explicar a função dos Centros de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) e Centros de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras) e identificar os que existem mais próximos da sua residência.

8. Identificar cinco doenças em seres humanos causadas por zoonoses provenientes de animais silvestres, e explicar como se dá a transmissão.

9. Listar cinco problemas relacionados ao tráfico de animais silvestres para o mercado pet (provocar temas como extinção, transmissão de doenças, sofrimento animal, abandono, invasão de espécies exóticas).

10. Realizar observação de animais silvestres nos arredores de sua casa, sítio ou local que julgue ser apropriado, listar algumas das espécies, e explicar como deve ser uma observação responsável e respeitosa dos animais silvestres no seu habitat natural ou fora dele, procurando grupos de observação animal próximos a sua casa.

11. Listar usos da fauna que prejudicam seu bem-estar e conservação, e provocar temas como crenças e superstições, caça, turismo predatório e uso em medicina tradicional.

12. Desenvolver uma campanha na escola, clube, igreja, redes sociais etc. (que alcance um público, pelo menos, de cem pessoas, por um período mínimo de uma semana) de conscientização de que animais silvestres não devem ser comercializados, utilizando exemplos da sua região.

 

Ficha de Avaliação